Menu Mobile
  • 10/04/2024

São Luiz Gonzaga: homem acusado pelo MPRS é condenado por tentativa de feminicídio

Um homem foi condenado nesta quarta-feira, dia 10 de abril, a 10 anos de prisão pela tentativa de feminicídio de sua ex-namorada. O crime ocorreu em fevereiro de 2017 no município no Noroeste gaúcho. Na época, o réu estava proibido de se aproximar da vítima devido a medida protetiva de urgência desde dezembro de 2016. Segundo a denúncia do Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS), o motivo do crime foi o fato de a vítima não aceitar reatar o relacionamento com o réu. O autor do fato...


  • 09/04/2024

Padrasto e mãe, denunciados pelo MPRS, serão julgados pelo homicídio de criança de dois anos em Cidreira

O padrasto e a mãe do menino Anthony Chagas de Oliveira, de dois anos de idade, vão ser julgados pelo Tribunal do Júri na próxima quinta-feira, dia 11 de abril, em Tramandaí. Conforme denúncia do Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS), no dia 14 de outubro de 2022, a criança foi levada desmaiada para o posto de saúde de Cidreira e não resistiu, falecendo durante o atendimento médico. Diego Ferro Medeiros, de 22 anos, está preso em Canoas, e Joice Chagas Machado, de 28 anos, respo...


Arquivo pessoal
  • 09/04/2024

Caso Rai: após denúncia do MPRS, Justiça Militar realiza primeira audiência sobre torcedores torturados por PMs em Porto Alegre

A Justiça Militar Estadual realiza nesta quarta-feira, dia 10 de abril, a primeira audiência sobre o caso Rai, torcedor do Grêmio Esportivo Brasil, de Pelotas, que, junto como outros 11, foi vítima de tortura por parte de policiais militares em maio de 2022, em Porto Alegre. Rai Duarte foi quem teve as lesões mais graves e chegou a ficar 116 dias internado, sendo 47 dias na UTI, em estado de coma induzido. No caso dele, trata-se de tortura qualificada. O fato ocorreu após um jogo entre o...


  • 08/04/2024

São Sepé: após recurso do MPRS, TJRS determina o retorno à prisão de sete traficantes de armas e drogas

Após recurso do Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS), o Tribunal de Justiça do Estado determinou o restabelecimento da prisão preventiva de sete traficantes de armas e drogas de São Sepé. A decisão, por unanimidade, foi tomada dia 4 deste mês na 1ª Câmara Criminal. Todos os investigados foram recapturados, sendo o último nesta segunda-feira, dia 8. Ao todo, há 18 réus de processo judicial sobre tráfico e associação ao tráfico, além de comércio ilegal de armas de fogo. Eles fora...


  • 05/04/2024

Caso Miguel: a pedido do MPRS, mãe e companheira são condenadas por homicídio triplamente qualificado, tortura e ocultação de cadáver

Após dois dias de julgamento, entre quinta-feira, dia 4 de abril, e esta sexta-feira, dia 5, em Tramandaí, Yasmin Vaz dos Santos Rodrigues, 28 anos, e a companheira dela na época do fato, Bruna Nathiele Porto da Rosa, 26 anos, mãe e madrasta do menino Miguel dos Santos Rodrigues, sete anos, foram condenadas pelo homicídio triplamente qualificado da vítima, além de tortura e ocultação de cadáver. Yasmin recebeu uma pena de 57 anos, 1 mês e 10 dias de prisão em regime fechado e Bruna um total ...


  • 02/04/2024

Novo Hamburgo: Justiça aceita denúncia do MPRS contra homem que tentou matar o filho e a ex-mulher

A Justiça aceitou na segunda-feira, dia 1º de abril, a denúncia do Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) contra um homem que jogou o filho de 11 meses pela janela do carro e atropelou a ex-mulher, em Novo Hamburgo. O fato ocorreu no dia 24 de fevereiro deste ano no bairro Canudos após uma discussão entre os pais da criança. O réu responde por tentativa de homicídio contra o próprio filho e com as seguintes qualificadoras: motivo torpe, meio cruel, contra menor de 14 anos de idad...


Imagem da câmera de segurança
  • 01/04/2024

Caso Miguel: mãe e madrasta serão julgadas a partir de quinta-feira em Tramandaí pelo homicídio do menino

A partir de quinta-feira, 4 de abril, serão julgadas, em Tramandaí, Yasmin Vaz dos Santos Rodrigues, 28, e a companheira dela, Bruna Nathiele Porto da Rosa, 26, mãe e madrasta do menino Miguel dos Santos Rodrigues. Elas foram denunciadas pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) por ter espancado e matado o menino de sete anos em Imbé. Ele desapareceu no município do Litoral Norte em julho de 2021 e as rés, que seguem presas, respondem por homicídio triplamente qualificado, tortura...


  • 26/03/2024

Porto Alegre: dois denunciados pelo MPRS serão julgados por homicídio qualificado de policial militar

Dois homens denunciados acusados pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) serão julgados nesta quarta-feira, 27 de março, em Porto Alegre, pelo homicídio triplamente qualificado do policial militar Gustavo de Azevedo Barbosa Júnior, de 26 anos na época do crime. O crime ocorreu no dia 10 de julho de 2019, nas proximidades da Praça Guia Lopes, no Bairro Teresópolis, Zona Sul da Capital. O soldado foi morto durante atendimento a uma ocorrência em que a dupla, junto com um adoles...


  • 26/03/2024

Após revista geral em presídio de Erechim, GAECO/MPRS faz nova operação contra organizações criminosas

Duas semanas depois de fazer uma revista geral no Presídio Estadual de Erechim, o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Rio Grande do Sul (GAECO/MPRS) realizou nesta terça-feira, dia 26 de março, uma nova operação contra organizações criminosas que atuam no local. Desta vez, foi cumprido um mandado de busca e apreensão na residência de um dos investigados. O local onde se deu a continuidade da “Operação Papillon” foi em Passo Fundo, também no N...


  • 26/03/2024

Após recurso do MPRS, TJRS condena professor de educação física por estupro de vulnerável em Viamão

A 7ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Estado (TJRS) condenou um professor de Educação Física a 12 anos de prisão por estupro de vulnerável em Viamão. Ele havia sido absolvido na 1ª Vara Criminal do Tribunal do Júri e de Execução Criminal, em abril do ano passado, mas três dias depois o Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) recorreu. O recurso foi interposto pela promotora de Justiça Bárbara Pinto e Silva, que atua na comarca da cidade. O condenado — a decisão em segundo...


  • 21/03/2024

Porto Alegre: acusados pelo MPRS são condenados pelo homicídio qualificado de atleta da base do São José

Foram condenados, no início da madrugada desta quinta-feira, dia 21 de março, no Fórum Central de Porto Alegre, três acusados pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) por um duplo homicídio e três tentativas, todos qualificados, ocorridos em 2019. Eles mataram a tiros o jogador da equipe sub-20 do Esporte Clube São José, Wesley Sampaio Soares, de 19 anos, e sua namorada, Sara Moreira de Oliveira, de 16 anos. O trio também foi condenado por três tentativas de homicídio, já que havi...


  • 13/03/2024

Connex: MPRS participa de debates sobre segurança pública em Pelotas

O Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) participou nesta quarta-feira, 13 de março, do Connex 2024 – Conexão de Experiências em Segurança Pública e Prevenção às Violências, em Pelotas. O encontro reúne até sexta-feira, em diversos locais da cidade, agentes e gestores públicos, organizações do terceiro setor, instituições de ensino, empresas e membros da sociedade com o objetivo de compartilhar e promover as melhores práticas na área. A subprocuradora-geral de Justiça para Assunto...


  • 06/03/2024

Acusado pelo MPRS é condenado a mais de 42 anos de prisão pelo homicídio de líder comunitário na zona sul de Porto Alegre

Um homem, apontado como ex-líder de uma facção criminosa que atua no Estado, foi condenado nesta quarta-feira, dia 6 de março, pelo homicídio triplamente qualificado de um líder comunitário ocorrido no dia 27 de julho de 2016 no bairro Serraria, zona sul de Porto Alegre. O réu recebeu uma pena de 42 anos, dois meses e 20 dias de prisão. O promotor de Justiça Eugênio Paes Amorim, que atuou em plenário, disse que “é sempre muito importante obter a condenação dos líderes de facções como for...


  • 06/03/2024

Após reclamação do MPRS ao STF, Justiça determina prisão imediata de condenado a mais de 32 anos de reclusão

Um criminoso, condenado a 32 anos e oito meses de prisão pela prática de homicídios consumados e tentados, todos qualificados, no Estado, teve prisão imediata determinada pela Justiça. A medida ocorreu após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). O denunciado pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) havia sido, anteriormente, condenado e preso após julgamento realizado pelo Tribunal do Júri em Coronel Bicaco, no noroeste do Estado. No entanto, ele foi solto pelo Tribunal de...


  • 06/03/2024

MPRS denuncia homem pelo homicídio de pedestre que passeava com cachorro em Caxias do Sul

O Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) denunciou nesta quarta-feira, dia 6 de março, um homem pelo homicídio qualificado de um pedestre que passeava com seu cachorro em Caxias do Sul, no dia 24 de fevereiro deste ano. José Monteiro da Silveira, 34 anos, foi morto após ser atacado com uma faca pelo denunciado na rua Sarmento Leite, no bairro Rio Branco. De acordo com o promotor de Justiça Leonardo Giardin, que ofereceu a denúncia ao Poder Judiciário, o mesmo investigado cometeu ...



USO DE COOKIES

O Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul utiliza cookies para oferecer uma melhor experiência de navegação.
Clique aqui para saber mais sobre as nossas políticas de cookies.