Menu Mobile

Não hesite, apite! MP realiza ação de orientação à população em Guaíba

Não hesite, apite! MP realiza ação de orientação à população em Guaíba

flaviaskb

O Ministério Público esteve nesta sexta-feira, 13, em Guaíba, dando continuidade na orientação à mulheres sobre violência doméstica e assédio. O ônibus do MP ficou estacionado em frente à Unidade Básica de Saúde da cidade.

A ação faz parte da campanha “Não hesite, apite!”, movimento criado pela Associação das Advogadas, Estagiárias e Acadêmicas de Direito do Estado de São Paulo (ASAS) e pela Casa Isabel, centro de apoio à mulher, à criança e ao adolescente vítimas de violência. No RS, a ONG NA’AMAT está à frente da campanha, com apoio do MP. Entre as ações, estão a disponibilização de apitos às mulheres, que deverão ser utilizados para coibir a prática de assédio/abuso sexual em ambientes públicos, principalmente o transporte coletivo.

Para a coordenadora do CAODH, Angela Salton Rotunno, "a união de uma instituição pública com a sociedade civil na defesa dos direitos das mulheres traz eficiência na obtenção de melhores resultados, além de dar visibilidade a um problema gravíssimo que a questão do assédio sexual”.

“A manifestação do apito é mais eficiente do que um grito de socorro. Ela mobiliza e constrange aqueles que estão tentando de alguma maneira assediar as mulheres”, disse Michelle Squeff, da NA’AMAT.

A conscientização foi realizada por membros e servidores do MPRS, juntamente com integrante da NA’AMAT.Também participaram da ação as promotoras de Justiça Marília Goldman Quites, articuladora da ação, e Raquel Isotton, de Guaíba.