Menu Mobile

FT Segurança Alimentar: dois estabelecimentos são interditados em Tramandaí por péssimas condições sanitárias

FT Segurança Alimentar: dois estabelecimentos são interditados em Tramandaí por péssimas condições sanitárias

flaviaskb

Três estabelecimentos comerciais foram alvos de uma operação da Força-Tarefa Segurança Alimentar do Ministério Público do Rio Grande do Sul realizada nesta quinta-feira, 28 de janeiro, em Tramandaí, no Litoral Norte. Por conta das péssimas condições sanitárias, dois foram interditados e os proprietários de um deles foram conduzidos para a Delegacia de Polícia local.

Nos três locais foram encontrados diversos produtos fora do prazo de validade, sendo que alguns deles estavam sendo vendidos, em um dos estabelecimentos, a preço de custo para atrair clientes. Havia, ainda, carne sem procedência, estragada e abaixo da temperatura adequada. Ao todo, 1,1 tonelada de produtos foi recolhida, além de 600 litros de bebidas e 658 carteiras de cigarros paraguaios.

Participaram da ação o coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) Segurança Alimentar Mauro Lucio da Cunha Rockenbach, a promotora de Justiça de Tramandaí Mari Oni Santos da Silva e representantes da Secretaria Estadual da Agricultura, da Secretaria Estadual da Saúde, do Centro Estadual de Vigilância em Saúde, da Delegacia do Consumidor (Decon), da Patrulha Ambiental da Brigada Militar (Patram) e da Vigilância Sanitária Municipal de Tramandaí.