Consórcio intermunicipal de Gestão de Resíduos pede auxílio do MP para regularizar aterro

Consórcio intermunicipal de Gestão de Resíduos pede auxílio do MP para regularizar aterro

flaviaskb

O coordenador do Centro de Apoio Operacional de Defesa do Meio Ambiente, Daniel Martini, recebeu, na tarde desta terça-feira, 02, um grupo de prefeitos integrantes do Consórcio Intermunicipal de Gestão de Resíduos Sólidos – Cigres.

Os prefeitos vieram buscar auxílio do Ministério Público para regularização do aterro sanitário do consórcio, localizado no município de Seberi.

“A gestão integrada de resíduos sólidos por meio de consórcios municipais é muito incentivada no âmbito do Programa RESsanear como uma alternativa para suprir a falta de recursos”, destacou Martini, que comprometeu-se a entrar em contato com o promotor local e com a Fepam com o objetivo de buscar meios para regularizar a situação do aterro.

Constituído em 2001, o Cigres foi criado como uma alternativa para atender a região e seus municípios, no que diz respeito a resíduos sólidos urbanos, e viabilizar a implantação de novos programas e tecnologias que possam apoiar o desenvolvimento autossustentável, voltado para a proteção do meio ambiente e a busca pela qualidade de vida da população. É formado, atualmente, por 31 municípios da região noroeste do Estado.

Participaram da reunião os prefeitos de Pinhal, Edmilson Pelizzari; de Pinheirinho do Vale, Elton Tatto; e de São Pedro das Missões, Antônio Reginaldo Ferreira da Silva.