Menu Mobile

Membros do MP visitam Santa Casa e avaliam alternativas para enfrentar problemas na saúde pública

Membros do MP visitam Santa Casa e avaliam alternativas para enfrentar problemas na saúde pública

marco

O Subprocurador-Geral de Justiça para Assuntos Institucionais, Fabiano Dallazen, e o Procurador de Fundações do Ministério Público, Keller Dornelles Clós, visitaram a Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, nesta quarta-feira, 22. O Grupo possui sete hospitais e é responsável por 73% de todo o atendimento pelo Sistema Único de Saúde no Rio Grande do Sul. Os representantes do MP conheceram as instalações reformadas em projeto de modernização do Hospital Santa Clara, como a Maternidade Mário Totta e a UTI Neonatal.

Como Fundação, a Santa Casa é fiscalizada pelo Ministério Público, através da Procuradoria de Fundações, no que se refere à sua gestão administrativa e contábil. Também acompanhou a visita, a Curadora de Fundações da Comarca de Porto Alegre, Carmen Silvia Reis Conti.

Durante o encontro o Subprocurador Institucional detalhou um pouco do trabalho do Ministério Público no enfrentamento aos graves problemas na área da Saúde e convidou os diretores da Santa Casa a participarem dos debates sobre o tema, auxiliando o MP e demais órgãos na busca de alternativas para solucionar os principais entraves que prejudicam o sistema de saúde pública no Estado.

Os membros do MP foram recepcionados pelo Provedor da Santa Casa, Alfredo Guilherme Englert, junto com os membros da Direção Executiva e gerências da instituição. Posteriormente, o Diretor-Geral da Santa Casa Julio Dornelles de Matos abordou detalhes sobre a instituição, sua importância e os principais desafios em atender aos necessitados. Ele destacou a credibilidade e o apoio do Grupo à Procuradoria das Fundações como um órgão fiscalizatório, essencial para a transparência na prestação de contas da Santa Casa.