Comitiva de Erechim entrega reivindicação de novo presídio para Secretaria de Administração Penitenciária

Comitiva de Erechim entrega reivindicação de novo presídio para Secretaria de Administração Penitenciária

flaviaskb

A promotora de Justiça de Erechim, Karina Denicol, o coordenador do Centro de Apoio Operacional Criminal e de Segurança Pública, Luciano Vaccaro, além de uma comitiva de Erechim incluindo integrantes do Poder Judiciário, Brigada Militar, Polícia Civil, comerciantes, políticos e representantes da sociedade civil, apresentaram ao secretário estadual de Administração Penitenciária, Cesar Faccioli, a reivindicação antiga de construção de um novo presídio na cidade. Karina Denicol irá encaminhar cópia do inquérito civil que trata do tema. A expectativa é que o presídio seja construído a partir de permutas e um levantamento feito pelo MP de Erechim já constatou cerca de 150 terrenos aptos na região para tal. O rol de imóveis já foi entregue ao vice-governador, Ranolfo Vieira Júnior, em reunião ocorrida no final de janeiro sobre o mesmo tema.

Conforme Karina Denicol, o presídio atual não tem alvará do Corpo de Bombeiros e o último laudo da Defesa Civil apontou vários problemas na fiação elétrica. Em 03 de janeiro deste ano, o muro do pátio de visitas desabou e só não houve vítimas porque o horário de visitação já havia acabado. O conserto ainda não foi realizado. O local, que já estava parcialmente interditado desde 2017, possui 489 presos para uma capacidade instalada de pouco mais de 200. Um pedido de interdição total foi apresentado ao Judiciário pela Defensoria Pública Estadual.


Leia mais:
Justiça atende pedido do MP e interdita parcialmente o Presídio Estadual de Erechim
Situação prisional da região de Passo Fundo pauta reunião com o vice-governador
Construção de novo presídio em Erechim é tema de reunião com o vice-governador


Uma das principais reivindicações da comunidade é que o presídio atual fica no centro da cidade e, em virtude de suas péssimas condições, facilita fugas. Em uma das últimas ocasiões, um empresário da cidade foi baleado por um dos fugitivos e morreu.

Além de Faccioli, estiveram presentes o secretário adjunto da Segurança, Marcelo Frota, e o superintendente de Serviços Penitenciários, Mário Santa Maria Júnior. Faccioli destacou que a intenção é encontrar uma solução de médio e longo prazo para a situação prisional da região, incluindo a discussão sobre o método Apac. Ele deve visitar a atual penitenciária de Erechim nas próximas semanas.

Também estiveram presentes os deputados Paparico Bacchi, Gilberto Capoani, Dirceu Franciscon e Mateus Wesp.


Fotos: Adriana Michelon/MPRS