Menu Mobile

Um supermercado foi interditado e 11 locais vistoriados em ação da FT Segurança Alimentar em Herval

Um supermercado foi interditado e 11 locais vistoriados em ação da FT Segurança Alimentar em Herval

flaviaskb

Nesta quinta-feira, 26, onze estabelecimentos foram fiscalizados e um deles acabou interditado durante operação da Força-Tarefa do Programa Segurança Alimentar no município de Herval. No total, foram inutilizadas cerca de uma tonelada de alimentos impróprios ao consumo.

Foram fiscalizados: o supermercado Casarão, o Econômico, o Fronteira Alimentos, o Comercial Miranda, o JP, o Supermercado Nacional e o Comercial Motta, o Açougues Dois Irmãos, do Oraci, do Covinha e Casa de Carnes Central.

Em nove estabelecimentos, foram identificados alimentos com prazo de validade vencidos, armazenados de forma irregular, carnes e embutidos fora da temperatura adequada e até insetos, além de diversos problemas de infraestrutura e falta de higienização. Os locais foram notificados. Nos mercados JP e Nacional foram encontrados cigarros paraguaios e, em razão desse fato, registrada ocorrência policial.

O Mercado Nacional foi interditado por questões de organização e higiene. Nas gôndolas foram encontradas baratas circulando entre os alimentos.

Dois locais estavam em perfeitas condições e não foram notificados: Mercado Miranda e Casa de Carnes Central.

Participaram da operação o coordenador do Grupo de Atuação especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco – Segurança Alimentar), Alcindo Luz Bastos da Silva Filho, a promotora de Justiça de Arroio Grande Cristiane Levien, além de representantes da Vigilância Sanitária Municipal e Estadual e da Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Irrigação.