Menu Mobile

Coronavírus: instituições fiscalizam denúncias de irregularidades em produtos em Porto Alegre e Canoas

Coronavírus: instituições fiscalizam denúncias de irregularidades em produtos em Porto Alegre e Canoas

flaviaskb

A Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor de Porto Alegre, o Procon Municipal e a Delegacia do Consumidor (Decon) da Polícia Civil continuam averiguando denúncias de irregularidades em produtos comercializados encaminhadas pela população. Nesta quinta-feira, 26, foram fiscalizados dois locais em Porto Alegre e um em Canoas. Um estava fechado (no Bairro Menino Deus) e os outros dois (no bairro Santana e em Niterói, Canoas) foram notificados.

Uma das empresas foi notificada a apresentar todas as notas de compra e venda de álcool gel e máscaras (descartáveis e PFF2) entre dezembro do ano passado e março deste ano, já a outra deverá apresentar informações relativas a alterações verificadas nos rótulos de álcool gel.

Denúncias podem ser encaminhadas para o e-mail pjconsumidorpoa@mprs.mp.br, contendo o endereço do estabelecimento onde foi localizado o produto com sobrepreço ou irregularidade, fotografia do problema identificado e descrição do fato, para a agilidade na averiguação.