Menu Mobile

Promotoria de São Leopoldo entrega 20 tablets a casas do acolhimento institucional

Promotoria de São Leopoldo entrega 20 tablets a casas do acolhimento institucional

flaviaskb

Duas instituições de acolhimento institucional de São Leopoldo, Casa Aberta e Casa Caminho Clara Francisco, receberam 20 tablets em ação intermediada pela Promotoria de Justiça da Infância e da Juventude, nas últimas quinta e sexta-feira, 27 e 28 de agosto. Os equipamentos, obtidos por meio de doação da empresa SAP Labs Latin America, em parceria com o Banco de Alimentos – Vale dos Sinos, permitirão a participação de crianças e adolescentes em aulas online e também a realização de demais atividades escolares durante o período de ensino a distância, em função da pandemia da Covid-19. Com o retorno das aulas presenciais, os tablets seguirão sendo utilizados pelos acolhidos para possibilitar o contato com novas ferramentas de aprendizagem e de comunicação.

A doação foi resultado de uma iniciativa das promotoras de Justiça Mara Cristiane Job Beck Pedro, da área de proteção, e Carla Lara Adami da Silva, que atua em casos envolvendo ato infracional. O movimento para equipar as casas e promover a inclusão escolar e digital de crianças e adolescentes do acolhimento institucional já havia iniciado meses antes, com a articulação de promotores e juízes. O movimento resultou na arrecadação de valor para aquisição de três tablets à Casa Caminho Clara Francisco.