Menu Mobile

Vencedores do HackFest ganharão Iphones XR's e PlayStations 4 e terão seus projetos incubados por universidades

Vencedores do HackFest ganharão Iphones XR's e PlayStations 4 e terão seus projetos incubados por universidades

flaviaskb

A premiação para os vencedores do HackFest 2019, que inicia nesta sexta-feira, 08, e termina domingo, 10, ganharão Iphones XR's e PlayStations 4. Os produtos foram doados pela Receita Federal, frutos de uma apreensão. Além disso, também faz parte da premiação o direito de escolha para fast-track (incubação) nos Parques da Aliança para Inovação: Zenit Ufrgs, Tecnopuc e Tecnosinos.

A abertura da maratona digital ocorre nesta sexta, a partir das 19h, mas o credenciamento acontece às 18h30. Às 19h30, está prevista palestra com o secretário de Inovação, Ciência e Tecnologia do Estado, Luis Lamb, e, em seguida, com o integrante do Conselho Nacional do MP, Octávio Paulo Neto. A apresentação das regras e cronograma do evento será às 20h30 e, depois disso, são formados os times.

No sábado, às 7h30, inicia a recepção dos times e mentores. A definição dos problemas e da persona – fase inicial para a criação dos projetos – se dará a partir das 9h, até 11h. Depois disso, os times serão orientados pelos mentores a iniciar a fase de ideação, que é quando são criadas hipóteses de solução aos problemas a partir das bases de dados disponibilizadas pelas instituições que fazem parte do HackFest 2019 e pelas ferramentas tecnológicas proporcionadas.

À tarde, a partir das 14h, inicia o processo de desenvolvimento do software, design, Analytics estratégia. Já às 16h30, ocorre a fase de Prova de Conceito (POC). A expectativa é que a rodada de mentores para revisão geral ocorra por volta das 20h30, com encerramento às 21h.

No domingo, os times se reunirão a partir das 9h, para oficina e desenvolvimento de pitch (apresentação). A apresentação das propostas ocorrerá às 15h30, com premiação prevista para as 18h30. A banca de avaliação é composta pela diretora do Tecnopuc, Aurora Carneiro Zen, pelo coordenador do Centro de Apoio Operacional Cível e de Proteção do Patrimônio Público e da Moralidade Adminsitrativa, José Francisco Seabra Mendes Júnior, pelo coordenador de TI da Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia do Estado, Gustavo Valdez, pelo sócio da Ventiur Aceleradora, Alexandre Mello, e pelo auditor de Controle Externo do TCE-RS, Telmo Brugnara.

PALESTRAS

Em paralelo a essa programação, ocorrerão palestras abertas ao público em geral na tarde do sábado. Os interessados devem se inscrever para garantir as vagas.

14h – Painel Governo Aberto

Valtuir Pereira Nunes, auditor público do Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul aposentado, falará sobre “Controle social e dados abertos”. Marcos Lindenmayer, auditor federal de Finanças e Controle, chefe de Gabinete da Ouvidoria-Geral da União abordará o tema “E se pudéssemos falar com o Governo?”. O mediador será o promotor de Justiça José Seabra Mendes Jr.

15h – Painel Analytics com Dados Públicos

Jonathan Cardoso, cientista de dados, irá abordar o funcionamento da Operação Serenata do Amor, projeto de tecnologia que usa inteligência artificial para auditar contas públicas. Paulo Ricardo Valença, analista de comércio exterior que atua no CADE como cientista de dados, falará sobre cartéis em licitações. Marcus Kassick, supervisor de Big Data Analytics na Procempa, abordará casos de aplicação de analytics no setor público, com a palestra “Inovação Analítica: pensar diferente gera valor social!”. A mediação será feita pela coordenadora da Rede de Incubadoras da UFRGS na Zenit, Daniela Brauner.

16h30 – Painel Ecossistemas de Inovação, Governo e Impacto Social

Os palestrantes serão o diretor de Inovação da Prefeitura de Porto Alegre, Paulo Renato Rizzardi, que falará sobre os projetos e ações do Pacto Alegre, a coordenadora do MPRS.labs, Juliana Marques, que falará sobre Ministério Público e Inovação Aberta e o co-fundador da Fábrica do Futuro, Francisco Hauck, que abordará como os ecossistemas de inovação podem apoiar o processo de inovação aberta e alavancar negócios com propósito. A mediação ficará a cargo da professora da UFRGS, Aurora Zen.