Seminário para planejar e monitorar políticas de educação foi realizado em Santa Maria

Seminário para planejar e monitorar políticas de educação foi realizado em Santa Maria

flaviaskb

A Promotoria de Justiça Regional de Educação de Santa Maria realizou, de 29 de novembro a 1º de dezembro, o II Seminário de Monitoramento das Políticas de Educação de 2017. O encontro, que ocorreu o auditório do Ministério Público, visa ser um espaço para a troca de experiências entre as redes municipais e estaduais de educação.

Na ocasião, os 44 municípios e as oito Coordenadorias Regionais de Educação de abrangência da Preduc Santa Maria foram divididos em três grupos de trabalho, a fim de otimizar a logística dos encontros. Pelo menos 130 pessoas participaram do seminário ao longo dos três dias.

Durante as oito horas diárias de encontro, coordenado pela promotora de Justiça Rosangela Corrêa da Rosa, realizou-se reflexão a partir do filme “Preciosa - uma história de esperança”. Pela manhã foram discutidas as metas e estratégias do Plano Nacional de Educação – Lei 13.005/2014, com abordagem de ações para o aumento de vagas em creches, a busca ativa na pré-escola, a melhoria da qualidade da educação, educação inclusiva, infraestrutura física e equipamentos das escolas, especialmente bibliotecas, transporte escolar, organização e estrutura dos Conselhos Municipais de Educação, entre outros.

Na parte da tarde, foi apresentado o EAD da Ficha de Comunicação do Aluno Infrequente – Ficai, e debatido os desafios da Educação Infantil. Foram apresentadas, ainda, boas práticas de busca ativa de crianças de quatro a cinco anos, nos municípios de Cachoeira do Sul, São Martinho da Serra e Rosário do Sul.

Por fim, realizou-se uma oficina “Sucesso e permanência, com aprendizagem, na escola: como avançar? O enfrentamento da defasagem série-idade e alternativas legais para correção de fluxo”. Os participantes realizaram estudos de caso, de quatro situações reais, buscando a reflexão e o enfrentamento da defasagem série-idade, com a mediação da assistente social do Gabinete de Assessoramento Técnico, Fabiana Aguiar, e a assessora da Preduc, Isabel Cristina Martins. O trabalho foi norteado pela metodologia das práticas restaurativas.

O Seminário permitiu também a partilha de conhecimentos e o fortalecimento das Redes de Apoio a Escola (RAE’s) de cada município.

Estiveram presentes conselheiros tutelares, membros dos Conselhos Municipais de Educação, gestores e professores das escolas, representantes das Secretarias de Educação e das Coordenadorias Regionais de Educação, dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e Centros de Referência Especializados (Creas), profissionais e gestores da área da saúde, além de representantes das instituições de ensino superior da região.